CONSULTÓRIO: 31 3262-3538

Cada vez mais, a microbiota intestinal é alvo de estudos que demonstram que mantê-la saudável traz benefícios dos mais diversos para o nosso corpo. O equilíbrio desta colônia de bactérias regula nosso organismo e contribui para prevenir doenças, inclusive as do sistema nervoso. Não por acaso falamos tanto no eixo intestino-microbiota-cérebro.

 

A nova descoberta detalha como o intestino saudável tem relação com a saúde mental. Um conjunto de estudos do Centro de Saúde de Xangai, na China, sugere que doenças psiquiátricas podem ser tratadas com a regulação da microbiota intestinal. Para isso, os pesquisadores avaliaram 21 trabalhos de qualidade, 14 deles foram testados o probióticos e sete ajustes na dieta. O resultado, em ambos os casos, mostrou efeito positivo sobre os sintomas de ansiedade.

 

Entretanto, as intervenções dietéticas foram mais eficientes. Isso porque, ao invés de introduzir tipos específicos de bactéria através do probiótico, a dieta alimentar oferece diferentes nutrientes que podem diversificar e balancear,  naturalmente, a microbiota. 

 

Como já sabemos, os trilhões de micro-organismos que habitam o nosso aparelho digestivo podem se modificar de acordo com o estilo de vida de cada um. Uma alimentação inadequada, alta carga de estresse mental e físico impactam diretamente na quantidade de bactérias benéficas. 

 

Por isso, gente, eu reforço tanto a importância de uma dieta equilibrada. Nutrição é para o corpo e a mente!