CONSULTÓRIO: 31 3262-3538

A gravidez é, certamente, a fase em que ocorrem mais mudanças fisiológicas no corpo da mulher. Toda essa transformação vem acompanhada de necessidades nutricionais específicas e atendê-las significa garantir mais saúde para a mãe e para o bebê.

Por questões culturais, a alimentação durante a gravidez é recheada de mitos, dúvidas e influências de terceiros. Sendo assim, é muito importante você saber:

t

Porque devo procurar um nutricionista?

– As consultas nutricionais periódicas, nesta fase, têm como principais objetivos adequar a alimentação às novas necessidades da mulher, além de criar as melhores condições para um ganho de peso saudável.

– Algumas situações adversas que costumam aparecer na gravidez – como enjoos, azia, constipação intestinal, inchaços – podem ser evitadas ou minimizadas com uma orientação nutricional.

– O suporte nutricional tem valioso papel como coadjuvante na prevenção e tratamento de eventuais complicações como anemia, hipertensão, ganho de peso excessivo e diabetes gestacional.

Quando devo procurar um nutricionista?

– Havendo possibilidade de planejamento da gravidez, o ideal é procurar um nutricionista ainda antes de engravidar. Com uma boa avaliação das condições de saúde da paciente que deseja ser mãe, o profissional poderá indicar a suplementação de alguns nutrientes que são essenciais para a boa formação do feto e saúde da gestante, ou recomendar uma dieta de perda de peso.

– Em caso de reprodução assistida, poderá adotar uma dieta que, segundo pesquisas recentes, melhoram as chances de sucesso.

– Se não for possível começar antes da gestação e, considerando que cada fase da gravidez tem suas especificidades, o ideal é que os cuidados com a alimentação sejam iniciados ainda no primeiro trimestre, para que mãe e feto sejam beneficiados.

– Após o parto, dois novos aspectos ganham importância: promover um aporte nutricional suficiente para uma boa amamentação e orientar sobre todos os cuidados alimentares para um breve retorno ao peso ideal.